quarta-feira, 13 de outubro de 2010

A CORUJA DA IGREJA MATRIZ DE CANGUARETAMA,RN





A Coruja da Igreja Matriz

Entre as lendas que envolve a Igreja Matriz de Nossa Senhora da Conceição está a 
da coruja que rasgava o céu noturno às vistas de todos e se encantava durante o 
dia dentro da igreja. Também conhecida como “rasga mortalha”, a coruja reaparece 
e desaparece aleatoriamente e muitos acham que seu canto é de mau agouro, sendo 
sinal de morte. O próprio apelido que tem expressa bem o temor popular dos que 
escutam: o som do seu canto seria uma onomatopéia da tesoura ao cortar o tecido 
fúnebre que serviria de mortalha.

Site e Blogs Colaboradores