sábado, 17 de setembro de 2011

FUNDAÇÃO DA CIDADE DE CANGUARETAMA

 
FUNDAÇÃO DE CANGUARETAMA
Canguaretama é uma palavra de origem tupi-guarani. Segundo Câmara Cascudo
(historiador), o vocábulo é formado por CAA(que significa MATA) GUA(significa VALE)e,
RETAMA(que significa abundância). Desta Forma, tem-se uma tradução aproximada para
VALE DAS GRANDES  MATAS.
A cidade de Canguaretama teve sua sede primitiva em VILA FLOR, onde o padre André do Sacramento fundou a ALDEIA DE CRAMÁCIO, no ano de 1743, objetivando civilizar e evangelizar os índios que ali habitavam.
Em 1858, a sede administrativa transferiu-se para a povoação de URUÁ, também  conhecida como SACO DO URUÁ, onde moravam negros e índios. Essa transferência  ocorreu devido a um desentendimento entre Sebastião Policarpo de oliveira, que era proprietário do Engenho Juncal e  militava pelo partido Liberal e o padre José Matos e Silva que militava pelo partido Conservador.
A povoação do URUÁ,  passou a chamar-se PENHA, em 1860, por sugestão do Frei Serafim de Catânia. A partir de então, a povoação ficou com dupla  denominação, até que o governo reservou o nome CANGUARETAMA á denominação  civil. Porém, os religiosos continuaram com a denominação de PENHA.
A elevação á categoria de cidade (município),deu-se a 16 de abril de 1885, através da Lei nº955,de autoria do deputado provinciado  Francisco Gomes da Rocha Fagundes

Site e Blogs Colaboradores